sexta-feira, 27 de agosto de 2010

As ondas do mar

As ondas quebravam uma a uma
Eu estava só com a areia e com a espuma
Do mar que cantava só para mim.

Sophia de Mello Breyner Andresen

Um comentário:

Lenise disse...

Luna! Que encanto de blog! Amei!
E quanta gente boa: Cecília, Sophia Andresen, você.
Está um show!
Beijosss! E parabéns pelo blog, está uma pérola!